Unidade

 

 

Ó meu Deus! Ó meu Deus! Une os corações dos Teus servos e revela-lhes o Teu grande plano. Que sigam os Teus mandamentos e permaneçam firmes na Tua lei. Ajuda-os, ó Deus, nos seus esforços, e concede-lhes o poder de Te servirem. Ó Deus, não os abandones a si mesmos, mas guia os seus passos pela luz do Teu conhecimento e, com o Teu amor, alegra os seus corações. Em verdade, Tu és o seu Amparo, e o seu Senhor.

 

Bahá'u'lláh

 

 

 

Ó DEUS, MEU DEUS! Louvores a Ti por haveres ateado o fogo do amor divino na Árvore Sagrada - a qual "não é nem do Oriente nem do Ocidente", situada no cume da mais elevada montanha; fogo esse que se abrasou até a sua flama se elevar e atingir a Assembleia do alto, cujas realidades dela colheram a luz da guia e bradaram: "Percebemos, verdadeiramente, um fogo na encosta do Monte Sinai". 

Ó Deus, meu Deus! Aumenta dia a dia esse fogo, até que o seu estrugir ponha em movimento a Terra inteira. Ó meu Senhor! Acende a luz do Teu amor em cada coração; insufla na alma dos homens o espírito do Teu conhecimento e rejubila-lhes o peito com os versículos da Tua unicidade. Chama à vida os que jazem nas sepulturas; adverte os orgulhosos; torna a felicidade universal, faz descer Tuas águas cristalinas e, na assembleia dos esplendores manifestos, oferece a todos a taça "preparada na fonte canforada". 

Tu, em verdade, és o Dispensador de Graças, o Indulgente, o Eternamente Dadivoso, o Misericordioso, o Compassivo.

 

'Abdu'l-Bahá

 

 

 

 

Ó TU, PROVEDOR! Sopraste sobre os amigos no Ocidente a doce fragrância do Espírito Santo e, com a luz da guia divina, iluminaste o céu ocidental. Fizeste com que os outrora remotos se aproximassem de Ti próprio; transformaste estranhos em afetuosos amigos; despertaste aqueles que dormiam; tornaste atentos os negligentes. 

Ó Tu, Provedor! Ajuda esses nobres amigos a conquistarem o Teu beneplácito. Torna-os igualmente benévolos para com estranhos e amigos. Faz que entrem no mundo que perdura para todo o sempre; concede-lhes um quinhão da graça celestial; faz com que sejam verdadeiros bahá'ís, sinceramente de Deus; protege-os de aparências exteriores e estabelece-os firmemente na verdade. Torna-os sinais e emblemas do Reino, estrelas luminosas acima dos horizontes desta vida inferior. Que sejam conforto e consolo para a humanidade e promotores da paz do mundo. Extasia-os com o vinho de Teu desígnio e permite que todos eles trilhem o caminho de Teus mandamentos. 

Ó Tu, Provedor! O mais acalentado desejo deste servo do Teu Limiar é ver os amigos do Oriente e do Ocidente num abraço íntimo; é ver todos os membros da sociedade humana unidos com amor numa mesma grande congregação, como as gotas d'água unidas num único e poderoso mar; é contemplar todos como aves num único jardim de rosas - como pérolas do mesmo oceano, folhas de uma única árvore, raios do mesmo sol. Tu és o Grande, o Poderoso; és o Deus de fortaleza, o Omnipotente, O que tudo vê.

 

'Abdu'l-Bahá

Como pudeste esquecer as tuas próprias faltas e ocupar-te com as alheias? Quem assim fizer, será por Mim abominado.

Ó Filho do Ser! 

© 2020 Comunidade Bahá'í de Portugal 

  • s-facebook